quinta-feira, 1 de junho de 2017

Bolo Piramide


Este fantástico bolo foi uma experiência, uma aprendizagem.
Todos fazem bolos altos e também me achei capaz de tal, por isso arrisquei, mas, vim a descobrir depois de pedir várias opiniões que os bolos que fazem são tipo dois cortados ao meio que dá quatro metades, o meu como podem ver são nove "andares", foi difícil equilibrar tudo, não vou mentir, ainda para mais porque decidi colocar pedaços de ananás entre as camadas ou seja nem ai fui esperta.

Depois outra dica é que o creme deve estar sempre bem batido tido consistente, o que também não foi o caso, as natas ainda estavam liquidas e o bolo começou a ensopar, decidi muito rapidamente colocar no congelador, ( envolvi em película aderente e coloquei novamente nas formas para não perder o formato) outro erro, pois como o bolo tem fruta no interior esta assim que descongelar deita mais água e o bolo fica mais mole, coloquei imediatamente no frigorífico assim que soube para ficar um pouco mais rijo.

Depois retirei para conseguir colocar a cobertura, que, infelizmente também ficou bastante liquida, voltei a colocar no frio até servir, já não caiu mais.
Depois não aconselho tamanha altitude porque cada fatia do bolo fica enorme e quase não se consegue comer, quase eu consegui claro, tive foi que distribuir o bolo por várias pessoas para que não "enchesse" o frigorífico.
Nota final: Todos responderam que o bolo tinha um defeito - Sabia a pouco, farei outro novamente mas não vou cortar fatias tão finas nem colocar fruta no interior.

Vamos lá á receita.....



Ingredientes:

Para o pão de Ló (verde)

6 Ovos
250 Grs açúcar
250 Grs Farinha
100 ml Leite
100 ml Óleo
Extracto de baunilha
1 molhe de espinafres congelados

Separar os ovos e bater as claras em castelo e reservar.
Numa processador ou com a varinha mágica colocar os espinafres, o açúcar e as gemas e bater, ir colocando o leite, o óleo e o extracto de baunilha, e no fim a farinha.

Misturar as claras em castelo com cuidado para não ficarem sem o ar que ganharam.
Colocar numa forma (usei de 22 cm), levar ao forno cerca de 25 minutos a 180º atenção fazer o teste do palito.
Assim que estiver cozido deixar arrefecer na forma que ele sai sozinho mas tem de estar totalmente frio.

Cortar com a ajuda de um cortador para bolos da medida que desejarem, para fazer estes cortei bastante fino, tinha a altura 2 cm mais ou menos.

Reservar






















Para o pão de Ló (laranja)

6 Ovos
250 Grs açúcar
250 Grs Farinha
100 ml Leite
100 ml Óleo
Extracto de baunilha
200 ml de polpa de tomate

Separar os ovos e bater as claras em castelo e reservar.
Numa processador ou com a varinha mágica colocar o açúcar e as gemas e bater, ir colocando o leite, o óleo e o extracto de baunilha e a polpa de tomate, e no fim a farinha.

Misturar as claras em castelo com cuidado para não ficarem sem o ar que ganharam.
Colocar numa forma (usei de 22 cm), levar ao forno cerca de 25 minutos a 180º atenção fazer o teste do palito.
Assim que estiver cozido deixar arrefecer na forma que ele sai sozinho mas tem de estar totalmente frio.

Cortar com a ajuda de um cortador para bolos da medida que desejarem, para fazer estes cortei bastante fino, tinha a altura 2 cm mais ou menos.


Reservar





















Para cobertura e recheio

1 embalagem de mascarpone
2  embalagem de natas
5 C. sopa de açúcar
Ananás em pedaços

Bater muito bem as natas assim que estiverem quase em chantili acrescentar o açúcar e continuar a bater, acrescentar o mascarpone e bater até ficar bem consistente.





















Colocar uma fatia de bolo e depois o recheio e alguns pedaços de ananás (ou não) e colocar uma fatia do outro bolo em cima, até esgotar tudo.





Levar ao frio para que fique mais consistente.

Aqui ficam umas fotos do que tive de fazer..... com película aderente pois o bolo começou a cair todo.





Retirar do frio passado pelo menos 2 horas, e colocar a cobertura (acrescentar umas gotas de corante se quiserem que fique de outra cor) com a ajuda de uma espátula, (como podem ver pelas fotos a minha cobertura estava liquida)















Para decoração:
Confetis de choclate







Guardar no frio até há hora de servir e depois o que sobrar também aconselho a guardar no frio.







Espero que gostem e se inspirem, apesar destas peripécias todas o bolo ficou fantástico, super fofo e mesmo passado uns dias ninguém diria 

Bom proveito

3 comentários:

  1. Nunca me atrevi a fazer um bolo assim.
    Ficou uma maravilha , a fatia já ia.

    ResponderEliminar
  2. Adoro bolos em camadas! Já vi que esse ficou generoso, podias ter guardado uma fatia para mim! Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Este está realmente alto, fatias bem do meu agrado, assim generosas :)

    ResponderEliminar

Estejam á vontade para dar sugestões, ideias e criticas construtivas, estou aqui para tirar duvidas e ajudar sempre que possivel.
cozinhaanita@gmail.com