terça-feira, 31 de maio de 2016

Bolo de Iogurte com Glacé


Pronto mais um tradicional que... não consegui comer simples....

Falando um pouco, eu não gosto de bolos secos, para terem uma ideia nos queque até abro ao meio e coloco ou manteiga ou doce, não gosto mesmo, e aqueles bolos, como este, para mim são simples e secos, apesar de adorar a fofura e o sabor, por isso cá em casa quando sabem que vou fazer um bolo simples, tentam sempre apanha-lo a sair do forno para cortarem logo para eu não colocar nem recheio nem coberturas, mas, desta vez não conseguiram.

Ingredientes:

1 pacote de iogurte (usei natural)
4 Ovos (usei M)
2 Medidas do copo de iogurte de açúcar
2 medidas do copo de iogurte de farinha
1 C. Chá de fermento em pó
1/2 medida do copo de iogurte de óleo

Modo de preparação:

Untar uma forma com óleo, pré aquecer o forno.
Na batedeira colocar os ovos e o açúcar e deixar bater até ficar uma espuma fofa ou dobrar de volume.
Colocar os ingredientes 1 a 1 e ir batendo ( iogurte, óleo, farinha e fermento)
Deitar na forma e levar ao forno até estar cozido (ir verificando e fazendo o teste do palito)

Para Cobertura:

Fiz glacé uma coisa muito simples mas que o bolo não fica "normal".

1 clara de ovo, açúcar em pó Q.B., Sumo de Limão Q.B.
Juntar tudo e ir batendo sempre com um garfo ou vara de arames, verificar o sabor e consistência.

Deitar em cima do bolo já frio e enfeitar com confetis de chocolate.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom Proveito.




segunda-feira, 30 de maio de 2016

Bacalhau c/Natas


Há muito tempo que não fazia um bacalhau com natas deste meu livrinho da vaqueiro.

O molho que se faz é uma delicia.

Ingredientes:

Bacalhau cozido desfiado
Batatas fritas aos cubos (usei das congeladas)

Para o molho:
1 C. Sopa Farinha
2 C. Sopa de margarina vaqueiro
250 ml de leite
1 C. Sopa de mostarda
1 C. Sopa de sumo de limão
Noz moscada e pimenta a gosto
1 Pacote de bechamél (usei parmalat)



Modo de preparação:

Untar um pirex com margarina, colocar o bacalhau já cozido e desfiado e livre de espinhas, fritar as batatas e colocar em cima do bacalhau.

Molho:
Num tacho colocar a margarina até derreter, depois com muito cuidado colocar a farinha até formar uma bola, ir mexendo sempre e acrescentar o leite, até ficar um creme, mexer sempre para não engrossar muito, colocar o molho bechamel, e retirar do lume.
Temperar com a mostarda, o limão e a noz moscada a gosto.
Deitar em cima das batatas e levar ao forno a gratinar.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom Proveito

sexta-feira, 27 de maio de 2016

Mousse Chocolate Diferente



Olhem experimentei.....sim.... é bom....

Claro que o acrescento que fiz... foi desnecessário mas....

Retirado Cromas da cozinha

Musse de chocolate "vegan"

Vi esta receita no desafio do dia um...na cozinha e achei interessante, e experimentei... não me arrependo nada.

Obrigado pela partilha.

Ingredientes:
- água de grão de bico (usei grão de bico de compra uma lata grande)
- 150 gr de chocolate negro (usei marca jumbo, não sou vegan mas quem for pode usar sem lactose) 
- 20 gr de açúcar em pó (aqui é que falhei, coloquei açúcar normal que adoça muito mais, e com medo que soubesse a grão coloquei mais, a mousse ficou super, mas super doce, quando digo super era mesmo um abuso)
- ½ colher se chá de cremor tártaro (não usei porque não tinha)
Coloquei 1 C. Sopa de vinagre e 1 C. Chá de essencia de baunilha
Preparação:
Coloque o chocolate a derreter em banho maria ou no micro-ondas com intervalos pequenos, mexendo de vez em quando para que não queime, uma vez que derrete rapidamente.
Bata a água do grão de bico com batedeira até obter um merengue espesso e fofo (é incrível eu sei). Junte o açúcar e o cremor tártaro (facultativo).
 Juntar duas colheres de merengue ao chocolate derretido para ficar mais cremoso e ser mais fácil de juntar ao restante merengue. Atenção neste passo não mexa com vara de arames, envolva o chocolate no merengue com cuidado em movimentos circulares de cima para baixo para que fique fofo o creme.
Verta em taças e reserve no frio de preferência de um dia para o outro.
Quanto mais tempo estiver no frio mais consistente fica!
Espero que gostem e se inspirem tanto como eu....
Bom proveito.

quinta-feira, 26 de maio de 2016

Cestinhas de carne com queijo


Olhem apeteceu-me....

1 embalagem de massa folhada, cortar em círculos do tamanho de formas (usei de queque), tinha carne picada já feita que tinha sobrado (estava só frita de maneira normal) coloquei e polvilhei com queijo ralado.

Ficou uma refeição simples e diferente, acompanhei com uma salada...

Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Bolo Aniversário de Chocolate


O meu filho fez 13 anos no dia 13, ou seja, casou os anos.

Perguntei como queria o bolo ele respondeu tipo brigadeiro, ora.... nunca me saiu um bolo de brigadeiro em condições, mas lembrei-me de fazer 2 bolos de chocolate da Dulcis, (sim são do melhor que há, ficou fofos, não muito doces e até sem ovos ficam bons....,) mas tinha feito a minha encomenda e esqueci de mandar vir os bolos, não cruzei os braços e pedi ajuda.

Como sempre existem pessoas sempre prontas a ajudar e foi o caso de muitas meninas que me indicaram nas suas páginas várias versões de bolo de chocolate.
Entre todas escolhi a Tarte de limao fiz, este bolo maravilhosos e depois inventei conforme pensei ser o recheio e cobertura, sim não tive muito tempo fiz o bolo a hora de almoço e tinha de estar pronto às 18h00.

Achei interessante uma coisa, bater açúcar em pó com os ovos, nunca tinha feito bolos com açúcar em pó, mas ficou fofo, húmido e doce Q.B., uma delicia, outra coisa que nunca tinha feito foi colocar fermento e bicarbonato de sódio, ás vezes quando não tenho substituo mas colocar os dois, nunca tinha feito.

Estou convencida que se não cozesse tanto o bolo ficava aquele que se chama bolo musse de chocolate, porque realmente foi o que pareceu, demorou bastante a cozer até ficar o palito seco.

Muito obrigada a todas pelas partinhas e pela ajuda que me deram.

Cá vai a receitinha.....

Ingredientes:

100 Grs. Margarina Vaqueiro Sabor a manteiga
260 Grs Açúcar em pó (usei Sidul)
2 Ovos (usei L)
1 C. Chá essência de baunilha
45 Grs. Cacau (usei da Dulcis)
1 C. Chá de Fermento
1 C. Chá Bicarbonato de sódio
170 Grs farinha
160 Ml Leite
1 Pitada de Sal

Modo de preparação:
Bater a margarina com o açúcar até dobrar de volume e ficar uma massa tipo esponja super fofa.

Adicionar os ovos 1 a 1 ir mexendo sempre e só colocar o segundo quando o primeiro estiver incorporado.

Colocar a baunilha, fermento, bicarbonato de sódio, sal e cacau com a máquina sempre a mexer,

Juntar metade da farinha e mexer suavemente com uma espátula, deitar o leite e continuar a mexer suavemente e depois o resto da farinha.

Dizia para cozer durante 25 minutos, mas não consigo dizer quanto tempo foi porque pareceia uma mousse daquelas que lambemos os dedos... O melhor é ir fazendo o teste do palito assim que este vier seco está bom.

Aconselho a deixar arrefecer primeiro antes de desenformar, para não se partir.

Para o Recheio e cobertura:

1 Lata de leite condensado Nestlé normal
100 Grs de chocolate negro da Nestlé (costumo usar o de sobremesas mas foi a mãe a comprar e comprou um negro normal, mas muito bom)
1 C. Sopa bem cheia de Margarina Vaqueiro sabor a Manteiga
1 C. Sobremesa de Amido de milho (se for necessário, eu desta vez não precisei)

Levar os ingredientes num tacho ao lume, sem o amido de milho e deixar que engrosse um pouco, se necessário colocar o amido de milho.

Abrir o bolo ao meio no sentido longitudinal e rechear, cobrir com a outra parte e deitar o chocolate em cima do bolo (convém ainda estar um pouco liquido, ou seja ainda quente, para escorrer melhor.
Enfeitar com missangas de chocolate ou coloridas.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito.

Desafio Página Cantinho das Cozinheiras - Queques de Manteiga



Bem este mês foi a vez do blog. fastndeasy foi dificil de consegui uma receita, mas... eram todas tão fáceis..


Ficaram uma delicia, deu para fazer 12 mas só comemos 4 porque a minha cadela decidiu subir á mesa e ir comê-los (estavam em cima do forno)

Bem receita a repetir.

Obrigado pela partilha e muitos parabéns pelo desafio.

Ingredientes:
250 gr de farinha
180 gr de açúcar
100 gr de manteiga
1 dl de leite quente
1 colher de chá de fermento
essência de baunilha
manteiga para untar
5 ovos


Modo de preparação:
Unte as formas de queque com manteiga e polvilhe com farinha.
Pré aqueça o forno a 180º .
Coloque numa tigela o açúcar ,a manteiga e bata até ficar um creme esbranquiçado.
Adicione a  baunilha e os ovos e bata novamente.
Junte o fermento e a farinha aos poucos ,envolva bem,adicione o leite e volte a mexer.
Divida a massa pelas formas e leve ao forno por 40 minutos.


terça-feira, 24 de maio de 2016

Sopa de Batata Doce

Fiz esta sopa, porque achei interessante o título (eu e os titulos) e achei super simples e que iria ficar diferente, e não é que ficou mesmo, pela positiva uma delicia. Receita a repetir.
Obrigado Da panela para o coracão pela partilha fantástica......

Ingredientes

1 batata doce grande
1 cenoura
1 cebola
1 colher (café) de gengibre fresco ralado (usei em pó)
1 raminho de salsa fresca (usei congelada)
1/2 colher (café) cúrcuma (tive de perguntar o que era, açafrão...ehehe)
1 colher (sopa) de azeite
q.b. flor de sal e pimenta preta (coloquei sal normal e nada de pimentas)
q.b. nozes 

Preparação 

Descasque a cenoura, a batata doce e a cebola.
Corte em cubos pequenos. 
Num tacho coloque o azeite, e refogue a cebola com o gengibre, apenas uns segundos.
Coloque a batata doce, a cenoura e a salsa.
Salteie uns minutos para ganhar uma cor, mas sem deixar queimar.
Condimente com a açafrão e sal . 
Misture.
Deite água até cobrir bem os ingredientes.
Coza cerca de 15 minutos.
Triture com uma varinha mágica. 
Verifique os temperos.
Sirva com umas nozes partidas.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito

Marmelada de Maçã Reineta




Na pagina groselha-espim vi esta receita que só pelo nome me chamou a atenção.

Então decidi fazer, normalmente, quer dizer ainda só fiz uma vez, mas costumo colocar 800 Grs. de açúcar para cada quilo de fruta (já descascada neste caso, no caso do marmelo como cozo sem casca é o peso dele sem casca mas cozido), e a marmelada costumo fazer (também só fiz uma vez) assim aqui e foi a melhor de sempre. Estou á espera do tempo dos marmelos porque este ano vou fazer muiiiita porque ficou divina.

Ou seja eu não descasquei os marmelos (só depois de cozidos) com a maçã fiz um pouco diferente, descasquei-a e coloquei a cozer em água com 1 pau de canela, depois de cozida, coloquei num tacho com o açúcar, só a maçã já escorrida e o pau de canela, deixei cozer (não sei quanto tempo, mas vai-se vendo quando engrossar bastante, pois é para ser marmelada para se cortar com a faca).

A minha ficou assim um pouco amarelada, porque fiz desta maneira, mas... vou experimentar descascar as maçãs e colocar logo num tacho sem água e com o açúcar, talvez fique mais escurinha, de qualquer das maneiras ficou brutal.

Muito obrigado pelas partilhas.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito




Mimos de Pescada c/molho Mostarda


Retirei esta ideia deste blog fantástico que já sigo a algum tempo....  cromas da cozinha.

Ingredientes:
1 embalagem de mimos de pescada (usei pescanova)
1 colher de sopa bem generosa de mostarda (usei marca branca) p
1 azeite qb
1 pitada de alho (usei congelado)
uma pitada de sal (pouco, pois a mostarda já tem um bom tempero)
Leite qb
1 colher se chá de farinha (usei farinha maizena)

Preparação:

Numa panela colocar um fio de azeite com um pouco de alho  e deixar aquecer, entretanto misturar a mostarda com um pouco de leite até diluir e juntar ao azeite. Colocar o peixe e uma pitada de sal.
Juntar leite aos poucos para não deixar secar. Tapar e deixar cozinhar.
Vire o peixe para que cozinhe uniformemente de ambos os lados.
Dilua a farinha em um pouco de leite frio e regue o peixe, mexendo sempre até que o molho engrosse, mas sem queimar ... juntar mais leite se necessário. Retifique os temperos e polvilhe com salsa.
E está pronto! É rápido e muito fácil. Se o peixe estiver descongelado, em 15 minutos está pronto ;)
Acompanhei com batatinhas fritas aos cubos e uma saladinha....

Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito

segunda-feira, 16 de maio de 2016

Desafio Açoriano - Pavlova de iogurte



Mais um desafio superado.

A Elisabete do blogue Cozinha sem segredos fez um desafio, Fazer uma receita que levasse um ingrediente mistério açoriano, (posteriormente foi revelado o ingrediente de cada um) a mim calhou-me o iogurte.
Eu soube logo o que iria fazer, como somos fãs de pavlovas e... com iogurte adoramos, fica um sabor diferente.

Tive de me deslocar cerca de 25 km, (e estacionar foi um drama) mas lá consegui convencer o marido a levar-me (pelas ruas de Lisboa é agreste circular, estacionar...). Bem fui a loja e comprei o iogurte (sim fazem entrega já lá tinha comprado alguns produtos para o outro desafio, mas iogurtes não entregam e.... calhou-me iogurte).

Bem como comprei um ananás dos Açores e umas bolachas mulatas (que se diga fiquei viciada no último desafio), fiz logo as pavlovas, fiz 4 minis porque somos quatro e achei engraçado)

Ingredientes:

4 claras (batidas em castelo)
250 grs de açúcar (a colocar duas colheres de cada vez, sempre a bater com a máquina)
1 C. Sopa de amido de milho
1 C. Sopa de vinagre
1 C. Chá de aroma de baunilha (usei liquido)

2 Iogurtes Yoçor naturais (misturei 2 colheres de açúcar em cada um)
2 Rodelas de ananás (usei o fresco que comprei lá na loja)
Cerca de 6 ou 7 bolachas Mulato (parti com as mãos)
Cobertura silver de framboesa da Dulcis Q.B (podem substituir por um topping a gosto, por coulis ou algo que gostem mais)
Caramelo Salgado da Dulcis Q.B. (podem substituir por um topping a gosto, por coulis ou algo que gostem mais)

Modo de preparação:

Bater as claras em castelo, acrescentar o açúcar duas colheres de cada vez sempre a bater, no fim acrescentar o vinagre o amido de milho e o aroma de baunilha, mas sempre continuando a mexer.

Num papel vegetal desenhar os quatro circulos (usei uma tigela), virar o papel ao contrário e colocar as claras a formaren os circulos (mais ou menos) e deixar uma ligeira diferença no centro para se poder colocar o "recheio".

Levar ao forno a 120º durante 1h30m, não abrir e deixar arrefecer lá dentro (normalmente deixo durante a noite)

Ao desenformar é preciso mão de fada ehehe, muito cuidado para não partir a crosta.

Colocar nos pratos e enfeitar a gosto.

Coloquei os iogurtes com o açúcar em primeiro, depois coloquei a cobertura silver e o caramelo salgado (fiz todas ao mesmo tempo umas com caramelo outras com a cobertura de framboesa), depois enfeitei com bocados a ananás cortado, (coloquem ao gosto), depois coloquei as bolachas esmagadas, e foi comer e pedir mais.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito





quarta-feira, 11 de maio de 2016

Pão tipo Baguete


A minha amiga Telma aqui deu-me uma receita aqui para ver se conseguia finalmente fazer um pão que me satisfizesse.
Este foi bem, esqueci de colocar água num tabuleiro enquanto cozia por isso não ficou estaladiço, mas a massa ficou bastante fofa e posso dizer que mesmo passado 2 dias ainda se comia muito bem sem aquele típico cheiro a fermento.

Cá vai a receita:

Ingredientes:

300 gramas de água
2 C. de sopa de sal

1 C. de chá de açúcar
490 g de farinha Trigo sem fermento

1 pacote de fermento (11grs) usei fermipan



Modo de preparação:
Coloque os ingredientes na máquina (uso o meu robot normal só para bater) durante 10 minutos +/- até a massa estar bem única com o gancho e sempre no mínimo.
Colocar numa tigela e deixar levedar durante mais ou menos 1 hora ou até dobrar o volume. (eu costumo colocar dentro do forno fechado para não apanha correntes de ar)
Trabalhar um pouco massa sobre uma mesa polvilhada com farinha, cerca de 5 minutos, em seguida, corte em 3 bolas (ou faça o molde que quiser), 
Coloque no tabuleiro que irá ao forno e deixe repousar mais 1 hora no forno fechado e desligado.
Pincele com leite ou azeite (eu não pincelei esqueci)
Leve ao forno por 25 minutos em forno pré-aquecido a 240 ° C. 
Coloque um recipiente de água na parte inferior para soprar vapor. (também esqueci).
Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito


terça-feira, 3 de maio de 2016

Frango Agridoce



Vi esta receitinha na revista Segredos de Cozinha e como adoro frango agridoce do "Chinês", resolvi experimentar, achei que ficou fantástico.

Ingredientes:

1 Kg Frango cortado ao pedaços pequenos
2 dentes de alho
0.5 dl vinho branco
sumo de 1 Limão (acrescentei 2 colheres de sopa de vinagre porque o sumo pareceu-me pouco)
1 dl de compota de framboesa (usei Dulcis recheio frutos vermelhos s/Açúcar)
2 C. Sopa ketchup
1 C. Sopa de açúcar amarelo (usei mais visto o recheio não ter açúcar, mais 3 C. sopa bem cheias)
sal e pimenta q.b.

Modo de preparação:

Temperar o frango com sal e pimenta.
De seguida frite-as no azeite com os dentes de alho esmagados. Envolva bem, refresque com o vinho branco e deixar reduzir.
Adicionar depois, o sumo de limão, a compota de framboesas, o ketchup e o açúcar e cozinhe lentamente por cinco minutos. rectifique os temperos e sirva.

Acompanhei com arroz branco no microondas.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito

Receita retirada da Revista Segredo de Cozinha n.º 8

domingo, 1 de maio de 2016

Pavlova dia da mãe - Dia Um.....na cozinha 2016


Mais um desfio aceite, e é com muito gosto que fiz esta Pavlova diferente para o dia da mãe.
Já agora desejo a todas as mães um dia muito especial ao pé de quem mais amam.

Ingredientes:

165 Grs de Claras (o equivalente a 5, mas usei de pacote)
225 Grs de  açúcar
1 C. Sopa de amido de milho
1C. Sopa de vinagre (usei de frutas)
1 C. Sobremesa de aroma de baunilha
Corante alimentar vermelho Q.B. (usei da vanihé)

Para recheio:

250 Gra de Natas Vegetais (usei da Dulcis)
2 C. Sopa de açúcar em pó (usei da Sidul especial merengues)

Amendoim crocante Q.B. 
Cobertura framboesa silver (usei da dulcis)
Açúcar em pó (para polvilhar) Q.B.
3 Framboesa (usei enlatadas da espiga, mas são tão feias....)

Modo de preparação:

Bater as claras em castelo até estarem bem firmes, colocar o açúcar ás colheradas duas de cada vez, sempre a bater, quando finalizar o açúcar colocar o amido de milho e depois o vinagre e o aroma de baunilha, no final o corante.

Colocar em cima de papel vegetal o merengue dividindo em três partes uma maior, uma média e outra mais pequena.

Levar ao forno a cozer 1h30m a 130º e não ligar a ventoinha do forno (descobri porque é que as minhas pavlovas não ficavam crocantes por fora), deixar arrefecer no forno (eu deixei a noite toda).

Para o recheio bater as natas em chantily e acrescentar as 2 colheres de sopa de açúcar em pó.

Montar a pavlova, na base maior colocar algumas natas já em chamtily (sejam generosos) depois espalhar alguns amendoins crocantes e em seguida com a ajuda de uma colher colocar "fio" de cobertura silver de framboesa, colocar o merengue do meio e fazer o mesmo processo, no ultimo merengue colocar só as natas e enfeitar com as framboesas.

No final com um passador espalhar o açúcar em pó.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito